Até mais, e Obrigado pelos Peixes Tale of Tales!

em Artigos por

O desenvolvimento de jogos, especialmente independente, não é fácil, e a culpa disso é tão relativa que as vezes pode ser nossa. Somos pessoas exigentes quanto a jogos, sejamos sinceros… queremos algo que nos puxe de nossas realidades por alguns instantes e não paramos de querer semelhantes até mais igual ser produzido incansavelmente.

Eu estou realmente muito triste com as palavras da Tale of Tales, provavelmente uma das desenvolvedoras independentes mais criativa desse nicho indie.

Sunset-Desconto-Itch.io-SteamQuantos jogos recém lançados estavam com descontos tão generosos no Steam Summer Sale? Eu só lembro de Sunset, mas tenho certeza que mais alguns outros indie também estavam. Descontos são ótimos, não tiro jamais o benefício pro bolso que os descontos podem oferecer, mas alguma coisa está errada quando esse desconto entra para um jogo lançado a pouco tempo, não é mesmo? Só consegui 40% de desconto em Ori and the Blind Forest, aquele indie puro amor aclamado por toda a crítica, no final da Steam Summer Sale, e acredite, foi um desconto e tanto para um jogo lançado há poucos meses.

Sunset foi lançado em maio deste ano, e em menos de um mês já tava rolando desconto, estranho? Muito. Esclarecimentos da Tale of Tales aqui. Eles precisam de dinheiro, assim como todos nós, e eles não fazem apenas jogos, eles fazem arte dentro de jogos. Há uma quantidade de requinte nos jogos da Tale of Tales que só depois de jogá-los é possível compreender. O casal Auriea Harvey e Michaël Samyn dedicam um tempo e criatividade descomunal para criar seus jogos tão únicos e envolventes para um público pequeno, bem pequeno.

Segundo a Tale of Tales, Sunset foi um fracasso comercialmente. Embora fazer dinheiro seja crucial para determinar sucesso comercial, há os méritos pessoais ainda, e a desenvolvedora parece ter pelo menos alcançado alguns deles, porém Sunset não vendeu o suficiente para a mesma pelo menos manter o compromisso com seus custos de vida, propondo uma longa reflexão sobre o que estavam realmente fazendo e onde queriam chegar.

Jogos da Tale of Tales
8, The Endless Forest, Vanitas, Fatale, The Graveyard, The Path, Bientôt l’été, Luxuria Superbia e Sunset

A Tale of Tales é incrível, fez jogos que me tocaram profundamente como The Path, e uma experiência mágica como Luxuria Superbia, o qual demorei um pouco para entender a delicadeza, mas quando descobri, foi ainda mais gratificante. Acreditem, eles sabem como tocar corações com suas criações.

Ainda não tive o prazer de jogar Sunset, mas ao longo dos anos criamos tamanha confiança e expectativa em algumas desenvolvedores que sabemos o quanto suas chances de falhas são mínimas. Sunset dividiu opiniões, mas não deixa de ser um pedaço de arte deixado como legado para os jogos indie.

Uma série de fatores determinaram o fim da Tale of Tales, não apenas Sunset, mas toda sua trajetória até Sunset de alguma forma tocou a desenvolvedora de uma perspectiva drástica.

Não teremos mais jogos comerciais da Tale of Tales, e isso é muito triste. 🙁

Você pode apoiar a Tale of Tales comprando seus jogos no itch.io ou através do Patreon da Auriea Harvey e Michaël Samyn.

Um cara de vinte e poucos anos apaixonado pelas coisas pequenas da vida. Desenvolvedor e ascendente escritor. É editor no Joguindie, seu maior xodó. Sua vida é repleta de coisas para fazer, pouco tempo para si, muito trabalho árduo e determinação. Gosta de jogar, ouvir músicas, ler quadrinhos, assistir filmes e animes, comer salgadinho, beber refrigerante, ficar em casa, e tantas outras coisas simples, mas valiosas para sua vida.

Deixe um comentário